O servo fiel

13/09/2009


“Ora, falaram Miriã e Arão contra Moisés ,por causa da mulher cuchita que este tomara; porquanto tinha tomado uma mulher cuchita. E disseram: Porventura falou o Senhor somente por Moisés? Não falou também por nós? E o Senhor o ouviu. Ora, Moisés era homem mui manso, mais do que todos os homens que havia sobre a terra. E logo o Senhor disse a Moisés, a Arão e a Miriã: Saí vos três à tenda da revelação. E saíram eles três. Então o Senhor desceu em uma coluna de nuvem, e se pôs à porta da tenda; depois chamou a Arão e a Miriã, e os dois acudiram. Então disse: Ouvi agora as minhas palavras: se entre vós houver profeta, eu, o Senhor, a ele me farei conhecer em visão, em sonhos falarei com ele. Mas não é assim com o meu servo Moisés, que é fiel em toda a minha casa; boca a boca falo com ele, claramente e não em enigmas; pois ele contempla a forma do Senhor. Por que, pois, não temestes falar contra o meu servo, contra Moisés? Assim se acendeu a ira do Senhor contra eles; e ele se retirou; também a nuvem se retirou de sobre a tenda; e eis que Miriã se tornara leprosa, branca como a neve; e olhou Arão para Miriã e eis que estava leprosa. Pelo que Arão disse a Moisés: Ah, meu senhor! rogo-te não ponhas sobre nós este pecado, porque procedemos loucamente, e pecamos. Não seja ela como um morto que, ao sair do ventre de sua mãe, tenha a sua carne já meio consumida. Clamou, pois, Moisés ao Senhor, dizendo: Ó Deus, rogo-te que a cures. Respondeu o Senhor a Moisés: Se seu pai lhe tivesse cuspido na cara não seria envergonhada por sete dias? Esteja fechada por sete dias fora do arraial, e depois se recolherá outra vez. Assim Miriã esteve fechada fora do arraial por sete dias; e o povo não partiu, enquanto Miriã não se recolheu de novo.” (Números 12:1-15)

Moisés passou por um treinamento de Deus no deserto, e isso o tornou um servo fiel. Lá ele foi transformado e renovado por Deus. Moisés desejava fazer a vontade de Deus, ele renunciou as riquezas do Egito para viver no deserto adorando o Senhor. Deus te treina no deserto para que você gere vida no meio do arraial dos mortos, quando você escolhe fazer a vontade dEle. Moisés libertou o povo do Egito e o levou para o deserto para que eles também fossem treinados para adorar a Deus. Precisamos ser treinados para rejeitarmos as atitudes impróprias. Uma delas é a prevaricação, ou seja, você sabe a atitude certa a tomar, mas toma a atitude errada. Moisés não tinha isso, pois as atitudes impróprias não convêm ao servo fiel. As motivações erradas tornam questionáveis todo o seu trabalho. Moisés não perdia o foco da vontade de Deus, ele não perdia a percepção do todo, mesmo com a oposição dos seus próprios irmãos. Quem perde a visão do todo se desvia da vontade de Deus, e o seu pecado atinge todo o corpo. Toda a igreja sofre com o pecado de um de seus membros. Ajude os irmãos que estão frios na fé, não perca a visão do todo, saiba a sua importância no meio da igreja. Moisés era um servo fiel, e Deus quer isso de você.

Que Deus nos abençoe.

Pr. Marcelo Henrique